SAÚDE | 07.JUNHO.2022

8 iniciativas para promover o Autocuidado dentro da empresa

Autocuidado é um tema popular atualmente, mas nem sempre os cuidados com a saúde são colocados em primeiro lugar. Cuidar de si é um processo que exige autoconhecimento para que a pessoa seja capaz de focar no seu bem-estar, tanto físico como emocional. Vai além do skincare, envolve escolhas alimentares, exercícios, qualidade do sono e controle financeiro.

Ao promover o autocuidado, as empresas têm a oportunidade de desenvolver uma cultura de saúde e bem-estar, na qual as pessoas são protagonistas da sua saúde e podem agir de maneira consciente para prevenir doenças e ter mais qualidade de vida.

A seguir, a equipe de Promoção de Saúde e Bem-estar da It’sSeg elencou algumas ações que podem ser desenvolvidas nas empresas para gerar conscientização e protagonismo dos colaboradores a respeito da saúde. Confira!

 

 1. Como praticar o autocuidado?

Aproveite o vídeo da It’sSeg, que pode ser divulgado nos canais de comunicação da empresa e enviado por WhatsApp aos funcionários, para abordar o tema.

 

2. Pílulas de conhecimento

Reúna o máximo de informações sobre como cuidar da saúde física, emocional, social, mental, entre outras, e compartilhe pequenas doses de conhecimento com os colaboradores. Algumas fontes confiáveis que sugerimos: INCA, Ministério da Saúde, OMS.

 

3. Tenha um médico de confiança e faça um check-up anual

Utilizar o plano de saúde de forma preventiva, ter um médico que conheça seu histórico de consultas e fazer exames de rotina pelo menos uma vez ao ano são essenciais para a prevenção e/ou identificação de doenças ainda no início, favorecendo tratamentos menos invasivos.

Por isso, estimule os colaboradores na busca por um médico de confiança, com foco em uma visão integral e contínua da saúde. Divulgue opções que privilegiam este tipo de atendimento (médico da família, por exemplo).

Outra forma de incentivar o check-up é fomentar o compromisso de realizar exames no mês de aniversário dos colaboradores, criando essa relação com algo afetivo.

 

4. Como está sua carteira de vacinação?

Aproveite para incentivar a vacinação. Muitas vezes nos preocupamos em vacinar as crianças e esquecemos a importância das vacinas em diversas etapas da vida. Uma boa referência sobre o assunto é a Sociedade Brasileira de Imunizações, em seu site é possível baixar calendários de vacinação conforme a faixa etária.

 

5. Oficina de organização das finanças

Ter as economias organizadas também é um fator que colabora para o bem-estar, pois, estar o tempo todo preocupado com dívidas, sem um planejamento financeiro, pode acarretar o aumento do estresse e outras preocupações que afetam a saúde. Investir em oficinas de organização financeira pode ser de grande apoio para os colaboradores.

 

6. Prática de massagens e terapias alternativas

Que tal proporcionar aos colaboradores uma semana diferenciada com práticas de massagem, como quick massage, auriculoterapia, reflexologia, entre outras?

A ideia é adaptar uma sala para receber os profissionais que farão as massagens. Além disso, pode ser criado um informativo explicando o formato de cada proposta e abrir as inscrições gratuitas para os funcionários.

Outras opções incluem: sortear cupons de locais que realizam essas práticas ou oferecer o benefício com desconto em folha de pagamento.

 

7. Promova grupos de interesse

Aqui o objetivo é promover, dentro da empresa, a formação de grupos de pessoas que tenham os mesmos interesses, como: jardinagem, caminhada/corrida, animais de estimação, cozinhar, tocar algum instrumento, leitura, esportes radicais etc.

A ideia é abrir espaço para os grupos se reunirem e trocar informações. Essa ação estimula a socialização, um aspecto muito importante para o cuidado com a saúde social, além de gerar oportunidades através do entrosamento entre as pessoas. Dependendo dos temas escolhidos, pode também gerar exposição para a empresa, comentários nas redes sociais e muito mais.

 

8. Eu me cuido: Painel de bem-estar

Estimule o autoconhecimento por meio de um painel colaborativo chamado “Eu me cuido”. A ideia é que os colaboradores incluam neste painel algumas práticas de autocuidado em suas rotinas. Exemplos:

  • Faço massagem 1 vez por semana;
  • Reservo 1h do meu dia para leituras;
  • Caminho diariamente com meus cachorros;
  • Faço check-up médico anualmente.

No final, o RH pode destacar as práticas mais recorrentes e vincular com os benefícios que a empresa disponibiliza.

Quer ler mais artigos como esse? Cadastre-se para receber a nossa newsletter e fique por dentro das novidades no Portal RH.

Benefícios para gerações diferentes: quais oferecer?